Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.3/5 (346 votos)


ONLINE
2




Partilhe este Site...

18:27:25


Astros tesouros desconhecidos
Astros tesouros desconhecidos

p>Astro: em busca de tesouros desconhecidos até [10]

Na verdade, a imagem não é no sentido tradicional. Estas imagens foram processadas em um computador que também requer uma grande quantidade de trabalho. Competição recente astrofotografia realizada Observatório Europeu do Sul (ESO), permitiram fotógrafos amadores para expor suas coleções em exibição pública.


1 
da nebulosa de Orion, Messier 42, ou - um conjunto enorme de gás e poeira onde as estrelas massivas são formadas. É o mais próximo, tal região da Terra. (ESO / Igor Chekalin) As imagens mostradas aqui são realmente impressionante pela sua beleza.

         


2 
NGC 3521, uma grande galáxia espiral, localizado 36 milhões de anos-luz da Terra. (ESO / Oleg Small) No entanto, o mais impressionante, talvez, foi a explicação do processo pelo qual essas imagens são feitas. 3 NGC3582, nebulosa, que está localizado dentro de uma região de formação de estrelas RCW57. Dobradiças gás ionizado vêm das estrelas perdidos. (ESO / Joseph Depaskuale) Estes telescópios foram processados ​​através dos filtros de cor. 4 Moon (ESO / Andy Shtrapazon) Next foram eliminados todos os obstáculos, peças desnecessárias causadas por ondas eletromagnéticas e outros processos. 5 NGC2217, uma galáxia espiral localizada a cerca de 60 milhões de luz- anos da terra, tem um núcleo ativo, o que aponta para um buraco negro gigante espreitar no centro. (ESO / Oleg pequeno) Cabeça de ESO Lars Lindberg Christensen disse que ele foi atingido por quanto, ao que parece, pessoas talentosas do mundo. 6 Haffner 18, aglomerados de estrelas jovens estão rodeados por um escudo denso de hidrogênio. Seu comprimento - cerca de 2,5 anos-luz, eo acúmulo de expansão a uma taxa de 20 quilômetros por segundo. (ESO / Josh Barrington) 7 Nebulosa Messier78, nebulosa de reflexão na constelação de Orion. (ESO / Igor Chekalin) Igor Chekalin O vencedor ganhou uma viagem para Paranal, Chile, onde o maior telescópio ESO. 8NGC3169 e NGC3166 - galáxia gravitacionalmente ligados um ao outro. (ESO / Igor Chekalin) 9 Trumpler 14 - Cluster, localizada 8.000 anos-luz de distância, na nebulosa de Carina. (ESO / Adam Matar) 10 NGC1850, o cluster duplo na Grande Nuvem de Magalhães, uma galáxia satélite da Via Láctea. (ESO / Sergey Stepanenko) Em seguida, as fotos eram de reunidos, a fim de criar uma única seleção.